A novela em torno do aplicativo Uber promete não sair de cena tão cedo. Além dos protestos que vem acontecendo por todo o país, alguns inclusive bem violentos, o judiciário agora resolveu entrar no debate para conter municípios, distritos e Estados na regulamentação do uso e operação do aplicativo.

Segundo a Ministra Fátima Nancy Andrighi as esferas de distritos, municípios ou Estados só podem legislar sobre transporte público coletivo, o que não seria o caso do Uber. A Ministra disse ainda que a atividade do Uber é prevista no Código Civil Brasileiro sendo regular o uso em termos legais.

minisra-nancygeekonomics

A ministra disse ainda, em evento da ABRANET (Associação Brasileira de Internet) muito acertadamente:

“A proibição de aplicativos de intermediação de transporte não pode ser pautada por pressão política de certas categorias, mas, sim, pelo interesse dos consumidores. ”

É exatamente sobre o interesse dos consumidores que gostaria de falar aqui. Afinal a briga toda que os taxistas do país inteiro têm travado contra Uber, fica claro que o centro da polêmica e do debate não é melhorar os serviços ao consumidor, mas sim garantir 100% do mercado aos taxistas.

Não é a regra, mas os serviços de taxi tem muito onde melhorar. Seja no tratamento dos passageiros, seja na própria estrutura da prestação de serviços.

mau-atendimento

Em São Paulo existem dois serviços distintos de taxis e só esse fato já serviu para que a cidade tenha duas realidades em termos de qualidade. É a concorrência dando mais escolhas aos consumidores e melhorando a qualidade nos serviços prestados.

Outro dia ouvi um taxista dizer que o Uber é uma empresa fantasma! Sinceramente? Ai já virou surto esquizofrênico rsrsrsr.

69720579-4748-4c18-ac06-765c28e03f5f_tumblr_lqjmjaesv21qac925

Mas em relação aos impostos, eu fico na dúvida, afinal nunca recebi um documento fiscal de taxista comprovando o pagamento que fiz e nem muito menos, discriminando os impostos pagos pelo serviço.

E tem mais! Quando é que vão melhorar as opções de pagamento pelas corridas? Receber apenas dinheiro é péssimo a nós consumidores, mas muito conveniente para facilitar a sonegação fiscal e o caixa 2.

2014-03-31-tumblr_myfk2erBKx1rkyz0ro1_500-thumb

Se eu fosse taxista, já estaria pensando em procurar oportunidades para perceber onde pode estar o futuro desse tipo de transporte.

Qual o problema disso?

Ao invés de se concentrarem no comodismo e na sombra da reserva garantida de mercado, os taxistas deveriam propor algo que realmente fosse importante para dar condições destes prestarem um serviço melhor.

É igualmente importante permitir que iniciativas como o Uber, compartilhamento de automóveis, caronas e tantas outras tenham como ser viabilizadas oferecendo facilidades e soluções para a melhoria geral do transporte nas cidades.